quinta-feira, 21 de outubro de 2010

O DIA EM QUE UMA BOLA DE PAPEL FERIU A CABEÇA DE SERRA...



Por Marcos A. de Souza

Um objeto voador não identificado atingiu a cabeça de Serra enquanto o candidato tucano fazia campanha no Rio de Janeiro.
Seria um rolo de fita crepe, uma bolinha de ping pong ou uma criptonita?
E o Serra quem diria, foi parar em um hospital particular da zona sul do Rio... Ué, o melhor ministro da saúde do mundo não confia no seu legado à saúde pública?
Depois de ser atingido por esse misterioso objeto voador não identificado, Serra passou por exames de tomografia computadorizada para descobrir se o impacto certeiro na sua careca teria provocado lesões cerebrais que fizeram cancelar o resto da sua agenda política na Cidade Maravilhosa...
Suspeitavam até de um possível traumatismo craniano, fruto da ação truculenta da "petezada enraivecida", como diriam os serristas mais afoitos...
Mais as cameras estavam ligadas e o cinegrafista do jornal do SBT captou o instante exato em que o misterioso objeto atingiu a careca de Serra... 
Conclusão: Não era um rolo de fita crepe ou uma pedra que causou uma lesão na cabeça de José Serra... Muito menos uma criptonita... Era tão somente uma bolinha de papel...
Nunca antes na história da humanidade uma bolinha de papel causou tanto estrago... A NASA já solicitou fragmentos da bolinha de papel para análises técnicas...
Recomenda-se aos coletores das amostras vestirem roupas especiais para entrar em contato com tão poderosa esfera...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário